quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Saramago - o reguila

Ora então parece-me muito bem que a rebeldia não escolha idades e que se esteja sempre a tempo de se ser reguila! O que não me parece nada bem é que o Senhor José Saramago diga coisas feias sobre assuntos que são essencias para a minha vida! Mas lá está...numa sociedade livre e democrática, podemos sempre dizer (quase) tudo o que nos apetecer. Por isso, assim como este senhor tem o direito de dizer poucas e boas sobre o Deus no qual eu acredito, eu também tenho o direito de defender esse Deus. Claro que a opinião de uma reles jovenzita ao lado da opinião de uma pessoa que já foi Prémio Nobel da literatura (um dia, quando for muito inteligente ainda hei-de perceber quais foram os critérios usados para lhe atribuir tal galardão) não vale nada aos olhos do mundo. Mas quero lá saber...quem mexe com o meu Deus, mexe comigo e eu fico muito sentida! Por isso senhor Saramago, se queria causar rebuliço, conseguiu. Parabéns! A minha dúvida é: provocar as pessoas desta forma torna-o mais feliz? Pronto...se calhar sim...Mas enfim...parabéns porque afinal conseguiu que eu escrevesse um post inteirinho sobre si!
Ah...Deus não é invenção da minha cabeça sim? Ele existe mesmo! A sério...

Mas não se procupe que Ele é muito bom e se for um bom menino, perdoa-lhe as coisas que anda a dizer por aí =)

13 comentários:

figuinho disse...

Confesso que frente a esse caso "Caim" (não propriamente o livro mas os comentarios a volta), não sei como hei de reagir. So tenho pena é que quem se diz tão tolerante age de forma tão exagerada. Criticar é bom mas não pode ser com abusos...alias...até perde credibilidade dessa forma. va la, o homem tem a sorte de ter um post so para ele nesse lindo blog...:), espero que isso lhe faça pensar duas vezes no que diz...

Fabi disse...

Eu também espero...mas tenho a certeza que ele nem imagina que o meu blog existe... =P por isso da-me a impressão que ele vai continuar a dizer o que lhe der na cabeça...=P também já tem idade para poder dar-se a esse luxo va... =P

Obrigada! beijinho =)

Joana disse...

Amén!
Toma lá e embrulha! É bem feito! E já agora, querido Saramago, vê lá se começas a usar pontuação em condições. Isto de ter imagens de marca que vão contra o que sempre nos ensinaram na escola e que nos tiram pontos nas composições não está com nada! :\

Mas enfim, ele é que é prémio Nobel, e se ele foi, foi porque Ele quis...

*

ADEK disse...

Não percebo mesmo porque tenho que levar com opiniões que não pedi. Eu a tentar ouvir as notícias do trânsito de manhã, e só me saem as palavras do homem... Bah!*

B disse...

Cara Fabi,
acredito no mesmo Deus que tu. No entanto, admiro o Saramago pelo escritor que é. As suas opiniões são diferentes das nossas mas, ele explica-as com tanta clareza que ouso presumir que consigo compreender a sua forma de pensar. Admiro a sua eloquência e frontalidade, que muitos confundem com loucura.
A fé é uma luz. É preciso ter fé para conseguimos ver os mistérios de Deus, e não a ordem inversa.
Saramago, simplesmente, não tem fé.

Fabi disse...

B...não digo que ele não seja brilhante (embora não goste mesmo nada da forma como escreve) nem sequer me atrevo a questionar a fé de cada um. Só me sinto incomodada que falem assim de coisas que são essenciais à minhda vida. No fundo, estou só a defender aquilo em que acredito, tal como ele...a diferença é que ele é o José Saramago e eu sou só a Fabi =P

Beijinhos =)

Fabi disse...

Joana...ainda bem que eu já fiz o 12º há uns anitos... =P

ADEK...enfim...há coisas que eu aceito...mas não percebo =P

Oscar Tomé disse...

Com esta publicidade toda vocês vão conseguir que eu vá comprar o livro...
Não gosto muito da escrita de José Saramago, mas como eu não me considero um leitor qualificado, então talvez seja, e se ganhou um Nobel então deve ser por alguma coisa, se bem que da pra questionar, como no caso deste ano do Nobel da paz.
Não se deveria entrar em guerras. ele não acredita como nos e pronto, ponto final.
Querida Fabi eu entendo o teu ponto de vista,mas não me vais dizer que ele te vai afectar minimamente na tua fé.

Fabi disse...

Óscar...minimamente =)

Olhos Dourados disse...

Que raio, eu não gosto da religião muçulmana ou dos ateus e não é por isso que escrevo livros sobre eles, ou os trato mal!
Se lhe incomoda tanto a religião cristã, porque é que simplesmente não a ignora?
Há cada um!

Fabi disse...

Olhos Dourados...isso é absolutamente verdade.

André Lamelas disse...

“Isn’t it enough to see that a garden is beautiful without having to believe that there are fairies at the bottom of it too?”

Deus não existe. Sem provas, pelo menos, não existe. E vocês, os não ateus, é que têm o ónus da prova. :p


Btw, Fabíola, não sabia que conhecias a Adek. Raio de mundo mais pequeno!

Fabi disse...

André...Deus existe. E isto para mim é tão absolutamente verdadadeiro tal como para ti é absolutamente verdadeiro o contrário. E isto não tem discussão possível. Não a conheço! Mas parece simpática =)